Por que elaborar um Manual do Corretor?

Criar novas estratégias e gerar experiências excelentes é fundamental para o cliente de hoje. #marketingimobiliario #3djobs #mercadoimobiliario


No texto de hoje trataremos de um assunto de extrema relevância, mas que muitos desconhecem: A importância da equipe de corretores possuir um material de vendas diferenciado e exclusivo, com abordagens e informações únicas.


Um grande erro encontrado no setor imobiliário, principalmente quando se trata do lançamento de empreendimentos, é corretor e cliente possuírem o mesmo material de divulgação. Como assim, Stephane? O que acontece na prática imobiliária é que ambos, corretor e cliente, possuem exatamente os mesmos folders, cadernos, imagens etc... do empreendimento, cabendo ao corretor apenas mostrar o imóvel e entregar toda esta papelada publicitária.


Com isso, cliente e corretor acabam possuindo as mesmas informações sobre o projeto, tornando a fala do profissional redundante, óbvia e pobre, sem qualquer novidade. Afinal, o cliente poderá perceber, por exemplo, que o local possui área de lazer, boa localização, acesso ao transporte público, 2 ou 3 quartos, garagem etc.


É preciso compreender que, hoje em dia, o acesso à informação está cada vez mais fácil e prático, e surpreender os clientes tornou-se cada vez mais desafiador. Para isso, é crucial que o corretor tenha sempre uma “carta na manga”, sabendo falar a linguagem dos benefícios, que compreende em ir além e superar expectativas, gerando “Experiências Uau!”.


O corretor precisa ser um especialista do imóvel e, para que isso aconteça, possuir um material que só ele tem acesso, com informações que vão além do básico, é fundamental para seu bom desempenho. Assim o profissional se sentirá confiante para argumentar e encantar seu cliente.


O corretor precisa ser um especialista do imóvel!

Eis algumas dicas sobre o que pode conter no Manual do Corretor:


  • Informações Técnicas: detalhamento sobre pisos, revestimentos, mobiliário, marcas utilizadas, garantias e demais informações que agregam valor ao empreendimento.

  • Conforto Térmico: orientação solar, ventilação das unidades, espessuras das paredes e outros detalhes.

  • A Região: pontos de interesse, valorização, tendências, crescimento do bairro e curiosidades sobre o local.

  • Público-alvo: aqui o corretor conhece o público-alvo do empreendimento e está preparado para se comunicar com ele de forma assertiva.

  • A Construção: apresentação da construtora e seus diferenciais competitivos, valorizando a marca e a qualidade.


Caso o empreendimento tenha como público-alvo investidores, outras informações podem ser apresentadas, tais como:


  • O Investimento: valor médio dos imóveis e aluguéis no entorno, estudos de rentabilidade prevista, benefícios, segurança etc.

  • Administradora: caso haja uma administradora para os investidores, neste ponto é apresentada, juntamente com os benefícios da futura gestão.


É claro que algumas informações podem variar de acordo com o empreendimento. Mas o importante é que o corretor tenha acesso à informações que mais ninguém possui e que o cliente não encontrará em outro lugar, tornando o profissional um verdadeiro referencial.

A praticidade de ter tudo para marketing imobiliário em um só lugar.

3dJobs Marketing Imobiliário

11 9 8669 4226 | 11 3280 8680

Av. Fagundes Filho, 145 cj. 35

Vila Monte Alegre - São Paulo - SP

CNPJ 32.749.514/0001-30

Copyright © 2020 Designed by 3DJobs