Icone Menu

Marketing Imobiliário

Marketing Tradicional x Marketing Digital: entenda suas diferenças.

O Marketing Tradicional e o Marketing Digital são diferentes em diversos pontos. Porém, ambos os métodos apresentam benefícios, particularidades e limitações. Entenda a característica de cada um.



Para escolher a melhor maneira de divulgar uma empresa, é preciso ter em mente que essa não é uma tarefa fácil. É preciso que seja realizado um estudo de mercado e uma pesquisa acerca do público-alvo, para que assim seja possível realizar um planejamento estratégico.


O marketing é responsável por buscar novos clientes para as empresas e os manter. Nos últimos anos, com o avanço da tecnologia e a popularização da internet, o marketing tradicional ganhou uma nova vertente: o marketing digital. Embora sejam estratégias complementares, cada modalidade possui suas especificidades e estratégias.


Com a ascensão do uso da internet, é comum que alguns profissionais defendam que o marketing digital é suficiente para divulgar uma empresa, por suas características de fácil adaptação e custos mais baixos. Outros profissionais, no entanto, apostam no uso do marketing tradicional como sendo sempre a melhor opção.


De fato, cada uma das opções possui suas vantagens e desvantagens, além de atingir diferentes públicos. O tempo de implementação e os custos de cada estratégia também são muito diferentes.


O ideal é possuir conhecimento acerca de todas as opções, pois só depois de analisar cada uma delas é que será possível decidir qual é a melhor estratégia a ser utilizada em determinada empresa, ou seja, que vai atingir corretamente seu público-alvo e alavancar as vendas.


Não há uma modalidade que seja melhor que a outra, o correto é compreender qual a opção que melhor se encaixa nos objetivos da organização. Muitas vezes, serão utilizadas estratégias tanto do marketing tradicional quanto do digital, pois elas podem se complementar.

As principais diferenças entre o Marketing Tradicional e o Digital


  • Segmentação e alcance do público


O marketing tradicional trabalha muitas vezes com um público generalizado. Propagandas em TVs, rádios, outdoors ou panfletos atingem, ao mesmo tempo, pessoas diversas e com diferentes interesses. Dessa forma, no marketing tradicional, é necessário dedicar certo esforço em pesquisar e compreender a audiência dos veículos trabalhados, para que sejam melhor segmentados os horários e canais em que os anúncios serão expostos.


O marketing digital, por sua vez, possui sistemas de mensuração próprios, o que ajuda a planejar os anúncios e divulgar conteúdo de acordo com o público de interesse da empresa. Nessa modalidade, é possível segmentar o público por região, faixa etária, gênero e, sobretudo, por seus interesses. algumas ferramentas como Google Analytics, Facebook Insights, dentre outras, permitem a seleção e o estudo do perfil desses consumidores.


  • Investimento Financeiro


O custo para veicular propagandas através do marketing tradicional, ou seja, em TVs, rádios, jornais e revistas, por exemplo, são mais elevados. Entretanto, dependendo do público-alvo com o qual a empresa deseja se comunicar, esses veículos podem trazer resultados importantes. Pessoas mais velhas e de classes sociais mais baixas, por exemplo, costumam apresentar alto consumo desses meios de comunicação. Os anúncios no marketing tradicional tendem a possuir um valor mais alto, porque diversos fatores influenciam no investimento, como gastos com impressão, instalação, entre outros.


Já no digital, existe uma maior flexibilidade. Como os anúncios geralmente não dependem de fatores extras de produção, o valor se torna mais baixo. Além disso, análises de métricas permitem calcular com precisão o valor dos recursos necessários para alcançar metas, sendo possível adaptar a veiculação dos anúncios de acordo com o investimento disponível, limitando os gastos diários ou distribuindo o valor pelo período de tempo desejado. Contudo, o sucesso da campanha depende do público com quem a organização irá se relacionar.


  • Alcance das Ações


O alcance das ações do marketing tradicional está diretamente ligado à quantidade de assinantes ou de espectadores dos veículos de comunicação selecionados. Dessa forma, ao selecionar corretamente os veículos, o alcance dessas ações acaba sendo bastante abrangente. Entretanto, alguma parcela do público alcançado não corresponderá com o público-alvo da empresa, pois a segmentação desses canais apresenta certas limitações.


As ações no marketing digital podem ser melhor direcionadas a um público específico. Essas ações poderão ser acessadas por um grande número de pessoas, uma vez que é possível compartilhar o conteúdo em diferentes redes. Além do mais, o material fica disponível online pelo tempo que a organização determinar, podendo ser encerrado ou estendido.


  • Linguagem


As duas modalidades exigem linguagens específicas. O tom de um texto ou de um anúncio para um jornal impresso ou revista, por exemplo, não pode ser igual ao utilizado em um post para a internet.


O Marketing Tradicional geralmente exige de uma linguagem mais formal e que dialogue com o público de forma geral, uma vez que o acesso ao conteúdo muitas vezes não pode ser personalizado.


Já o conteúdo digital geralmente é realizado através de uma linguagem mais leve e objetiva. Às vezes, apresentando um certo tom de humor e inovação, por caracterizar-se como uma forma mais direta de comunicação com o público. Por sua capacidade de segmentação e também de atendimento individualizado, a linguagem pode ser adaptada para o público com o qual se dialoga.


  • Mensuração dos resultados


A análise do rendimento de ações é bastante diferente no online e no offline. No marketing tradicional, você consegue calcular a audiência de um comercial na TV ou rádio, assim como estimar a leitura de anúncio em um impresso pelo número de assinantes ou venda em banca.


No marketing digital, é possível utilizar ferramentas como o Google Analytics ou Facebook Insights para mostrar a quantidade de curtidas e compartilhamentos de uma publicação, o número de visualizações em um vídeo e o resultado de uma campanha de anúncios.


A grande diferença entre as duas modalidades está no tempo necessário para a mensuração. O marketing tradicional exige um tempo maior, enquanto no digital é possível analisar diariamente os resultados, permitindo a adaptação da campanha em veiculação.


No setor imobiliário, devo usar o Marketing Digital ou o Marketing Tradicional?


O ideal é sempre pensar em uma campanha de marketing 360 graus, que combine o marketing tradicional e digital. Desta maneira, será possível reforçar e divulgar a marca em diversos meios e atingir um público ainda maior. A união das duas modalidades é essencial para o alcance de leads qualificados.


Leia: Descubra como atrair leads qualificados para seu imóvel


Entretanto, a linha de comunicação deve ser similar em todas as modalidades. Marcar presença em diversos meios é importante para agregar credibilidade à marca, pois mesmo nos dias atuais, algumas pessoas ainda não possuem total confiança em anúncios online.


O mais importante é saber analisar todas as possibilidades a fundo, para então traçar uma estratégia eficaz para o alcance dos objetivos de marketing.

FALECONOSCO

ATENDEMOS TODO O BRASIL

 
icone whatsapp